Cerrado Livre

MENU
Logo
Domingo, 18 de abril de 2021
Publicidade
Publicidade

Notícias

Nego Di entre os partidos, Vanderlan frita Meirelles

Eliminado de 98,76% das siglas, o senador promete vaga de candidato ao ex-ministro, mas o traz direto para o paredão

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O senador Vanderlan Cardoso aproveitou bem a amizade que Samuel Almeida fez com Henrique Meirelles na dobradinha de 2002 para deputado estadual e federal. 
Almeida tinha o contato de Meirelles e o aproximou de Vanderlan, que o convidou para integrar o PSD.
Gestos assim fizeram de Vanderlan o Nego Di dos partidos, não esquenta cadeira em nenhum, com rejeição próxima da unanimidade sábia.
Sabido que só ele, o senador parece querer se livrar dessa pecha de instável. E apenas a reafirma.
Em sua enésima adesão, Samuel entrou agora no PSD, endereço recente de Vanderlan, que deixou o Progressistas após chegar ao Senado.
Não foi revelado ao público o subterrâneo da estratégia de Vanderlan para filiar Henrique Meirelles em São Paulo, onde está como secretário.
Onde estava o presidente do partido em Goiás, Vilmar Rocha, durante o jamegão de Meirelles na ficha do PSD? A desculpa oficial para não comparecer seria uma suposta reunião com os filhos em seu aniversário de 70 anos.
Essa conversa tem a credibilidade de uma letra escrita por Nego Di e cantada por Karol com Ká num paredão do BBB 21. Nenhuma.
Vilmar não foi porque o argumento usado para convencer Meirelles é meio reles: vaga de senador garantida na chapa do governador Ronaldo Caiado em 2022.
Quem deu o aval? Caiado como pré-candidato e Vilmar como dirigente partidário? Não, Caiado está focado em combater a Covid 19, nem fala em campanha. Vilmar, quando se manifestou, foi por ele mesmo ser o senatoriável.

Meirelles entrou numa gelada em 2002, com a mesma turma (o marconismo) lhe garantindo o mesmo posto (candidato ao Senado) no mesmo lugar (chapa do governador). E o pobre Meirelles sofreu o efeito Adélio: levou uma facada. Nas costas.
Mesmo sendo um dos mais bem-sucedidos financistas do planeta Terra, Meirelles parece continuar desambientado do planeta política: mexendo com o mesmo tipo de gente, fazendo-lhe as mesmas promessas, como esperar resultado diferente?

Créditos (Imagem de capa): Reprodução Internet

Comentários: